sexta-feira, 25 de Julho de 2014

Macro Shots de Star Wars

O fotógrafo Zahir Batin,fotografou diversas figuras de ação de Star Wars em posições e macro-ambientes elaborados por ele,resultando em engraçadas imagens.Mais trabalhos deste artista podem ser vistos na sua página da Deviantart: zahirbatin.deviantart.com

 

quinta-feira, 24 de Julho de 2014

Hot Wheels Star Wars

Já aqui tinhamos anúnciado o primeiro (Darth Vader) de uma nova linha de carrinhos Star Wars da Hot Wheels.Apresentamos os seguintes modelos desta linha:R2D2, Yoda e Chewbacca.Já contactámos a Mattel em Portugal que nos informou que por enquanto esta linha não será ainda comercializada no nosso país,mas caso tal aconteça,seremos informados e divulgaremos aqui.

quarta-feira, 23 de Julho de 2014

Fotos do vencedor do passatempo Spaghetti Star Wars

O Ricardo Quaresma foi o vencedor do passatempo Spaghetti-Western-Star-Wars e enviou-nos fotos do s prémio com o seu filho, que apesar de ser ainda muito jovem,parece já dominar a arte do manuseamento dos sabres de luz!Relembramos que ainda está a decorrer outro passatempo que está aberto a toda a gente e que termina a 2 de Agosto.

Entrevistas SWCP: Christian Hipolito

O ator Neo Zelandês de origem Filipina Christian Hipolito,participou no filme The Hobbit: Uma jornada inesperada e Desolação de Smaug nos papéis de um habitante de Laketown e de um Orc.
SWCP: Fale-nos do seu trabalho na trilogia de O Hobbit.
C.H: Eu fui um dos habitantes do Laketown e também um Caçador Orc.Os Laketowners são basicamente, os moradores de um pequeno povoado construído inteiramente de madeira e seus pilares em madeira são afundados no lago profundo, portanto é por isso que lhe chamam Laketown.Como um Caçador Orc,a nossa missão era caçar os Hobbits e comê-los, na verdade realmente não nos importa comer qualquer coisa que cruze o nosso caminho. Nós somos carnívoros!
SWCP: Natural das Filipinas, emigrou para a Nova Zelândia em 2004.Porque escolheu este país?
C.H: Eu não escolhi este país, na verdade foram os meus pais. Eles imigraram aqui na Nova Zelândia há 20 anos atrás e me perguntaram se eu gostaria de vir também. Possuía uma loja de computadores antes de vir para a Nova Zelândia. Quando emigrei, tive que começar do princípio outra vez e trabalhei muito até chegar aqui, mas acho que foi uma grande decisão de qualquer forma já que tenho feito coisas que outras pessoas pensariam que podiam ser feitas por uma única pessoa. 

Alistei-me no exército da Nova Zelândia aos 29 anos de idade, estudei fotografia, conheci novas pessoas, e tornei-me num ator e tive ainda a sorte de participar em alguns anúncios comerciais.
SWCP: Jogar xadrez e pensar logicamente, são alguns dos seus atributos. Já competiu nesta actividade? 
C.H: Já competia em casa, nas Filipinas e tive a sorte suficiente por obter uma medalha de segundo classificado. Acho que o xadrez ajudou a melhorar a minha mente, e talvez por isso, que uma das razões por me ter alistado no exército para ser um estratega. Você sabia que o xadrez foi ensinado aos nobres nos velhos tempos? O Xadrez também foi usado para ensinar estratégias de guerra. 

SWCP: Começou a sua carreira artística como ator vocal e comediante Stand-up.Como surgiu a oportunidade para trabalhar em filmes e séries? 
C.H: Na verdade, comecei como figurante numa curta-metragem. Iluminei o meu cérebro artístico e comecei a fazer testes de casting e a trabalhar para mais curtas e longas-metragens. Com o tempo, percebi a fazer coisas de comédia e drama. Dois anos atrás, enquanto estava a passear por Cuba Street,e vi  um cartaz à procura de comediantes stand up. Não hesitei em me alistar e ver realmente do que realmente fera eito. Eu realmente fiz alguma comédia crua anteriormente, falando sobre a minha vida em casa, nas Filipinas e também comparando o estilo de vida das Filipinas e da Nova Zelândia. Eu faço piadas engraçadas sobre o uso de acentos, termos ou palavras dos Kiwis (alcunha dada aos neo zelandeses) etc. Foi tudo divertido. A dobragem só aconteceu há um ano, quando um realizador estava desesperadamente à procura de uma pessoa que poderia falar como uma pessoa velha. Foi muito divertido gravar e permanecer no estúdio a assistir à curta-metragem. Depois disso, comecei a trabalhar com outras pessoas do Reino Unido, auxiliando-os com seus vídeos.
SWCP: Voltando ao `Hobbit´,teve alguma preparação física em especial para desempenhar os seus papéis? 

C.H: Para o papel de Laketowner,tive que deixar crescer o meu cabelo porque não gosto de colocar perucas. O maquilhador colocou um monte de coisas no meu cabelo depois eu terminar o meu trabalho e quando tirei a peruca, ainda sentia um cheiro fedorento e nojento e uma comichão atrás do meu cabelo, por isso é que eu deixei crescer o meu cabelo naquela época. Para o papel do caçador Orc, tivemos de praticar cortes e como segurar uma lâmina. Nós fomos ensinados a lutar com espadas.
SWCP:Que mensagem quer enviar aos seus fãs? 
C.H: Acreditem sempre em vós próprios que os sonhos se tornarão em realidade, tudo o que precisam é de trabalhar nisso que realmente irá acontecer. Sim, vocês podem falhar um zilhão de vezes e sentirem-se amargurados mas basta só uma chance para mudarem o vosso destino. Lembrem-se que é melhor ter lutado uma batalha do que não fazê-lo, porque vocês realmente não sabem o que é virá a seguir.




 
ENGLISH VERSION:

The New Zealand actor borned in Philippines, Christian Hipolito participated in the feature films The Hobbit: Na unexpected journey and The desolation of Smaug in the roles of Laketowner and Hunter Orc.  
SWCP: Tell us about your roles on “The Hobbit".
C.H: I was a one of the Laketowners and also a hunter orc. Laketowners are basically the townspeople of a small settlement constructed entirely of woods and their wooden pillars are sunken into the deep lake hence why they called that place Laketown.As a hunter orc our mission was to hunt down the hobbits and eat them, actually we really don't mind eating anything that cross our path. We are carnivores!!! 

SWCP: Born in Philippines, you migrated to New Zealand. Why did you choose this country?
C.H: I didn't choose this country, it was actually my parents. They've immigrated here in New Zealand 20 years ago and asked me if I would like to come as well. I use to own a computer shop before I came here in New Zealand. When I migrated, I had to start from the beginning again and worked my way up but I think it was a great decision anyway since I have done things no other people thought can be done by a single person. I’ve joined the NZ army at age 29, studied photography, met new people, became an actor and I was even lucky to land some commercial. 
SWCP: Playing chess and thinking logically are some of your skills. Have you competed in this mode (chess)? 

C.H: I have competed back at home in the Philippines and was lucky enough to get a 2nd runner up medal. I guess chess helped me enhance my thinking noggin, maybe one of the reasons why I joined the army to be a tactician. Did you know Chess was taught to nobles back in the old days? Chess was used to teach war strategy.
SWCP: Started your artistic career as a voice actor and standup comedian. How did the opportunity to work in films and television series?
C.H: I actually started as an extra to a short film. It lighted up my artistic brain and started auditioning and working for more short films and feature films. As time goes by I realized I like doing comedy stuff and dramas. Two years back while I was strolling Cuba Street, I saw this poster looking for stand up comedians. I didn't hesitate to enlist myself and really see what I am really  


made off. I really did some RAW Comedy back then talking about my life back at home in the Philippines and also I compare New Zealand's way of living with Philippines way of living. I make funny jokes about accents, terms or words Kiwi's use etc. It was all fun. Voice acting only happened a year ago when a Director was desperately looking for a person who could talk like an old person. It was a lot of fun recording and standing in a studio watching the short film. After that I started working with other people from UK assisting them with their Videos.
SWCP: Backing to ´The Hobbit’, did you have any special physical preparation for playing your roles? 

C.H: For the Laketowner role. I did have to grow my hair because I didn't like putting on the wig. The make up artist put a lot of stuff on your hair after you finish working and take off the wig, there is still some smelly yucky itchy feeling left behind on your hair, so that’s why I grew my hair at that time.
 For the hunter orcs role, we had to practice slashing and dicing and how to hold a blade. We were taught sword fighting.
SWCP: What message would you like to leave for your fans?
C.H: Always believe on yourself and dreams do come true, all you just need is to work on it and it will really happen. Yes, you may fail gazillion time and yes you may feel bitter but it only takes once chance to change your destiny.Remember it is better to have fought a battle than not doing so, because you wouldn't really know what is the outcome.

terça-feira, 22 de Julho de 2014

Star Wars Episode III: Becoming Sidious Webisode

Princesa Leia em papel

A artista Kelly Delanty desenhou este modelo da Princesa Leia para imprimir e montar.Sugerimos que seja imprimido em papel mais grosso do que o normal e o tamanho fica ao gosto de cada um,consoante se queira um modelo em ponto grande ou mais pequeno.Fonte:
 http://www.starwars.com/news/star-wars-day-princess-leia-papercraft

segunda-feira, 21 de Julho de 2014

Comic Con Portugal 2014

Nos dias 5, 6 e 7 de Dezembro de 2014, será realizada a primeira Comic Con em Portugal que terá lugar na Exponor, em Matosinhos numa área de mais de 20 mil m², incluindo o auditório principal do maior parque de exposições do país.
Considerando o número de fãs que a temática envolve e tendo em conta a dimensão do evento em outros países, foram criadas, legitimamente expectativas delas. Razão pela qual, antes de se decidir, efectivamente, avançar com a realização da Convenção, foram elaborados diversos estudos.
Estes estudos indicaram que existe um mercado com um elevado potencial para a realização de uma convenção deste género em Portugal.
A CITY – Conventions In The Yard, empresa organizadora da Comic Con Portugal, pretende adaptar o formato “Comic Con” existente, de forma a criar o seu próprio figurino, que corresponda à responsabilidade que o nome COMIC CON representa e se enquadra na realidade nacional.
Na Comic Con Portugal pode-se esperar expositores de jogos, editoras, merchandising, brinquedos, concursos e torneios de jogos, divulgação e lançamento de novos filmes e séries de televisão, concursos de Cosplay, workshops de desenho, banda desenhada ocidental e oriental (manga), artistas convidados de cinema, televisão, jogos, banda desenhada, anime e manga. Ainda se pode contar com exibições de materiais inéditos, lançamentos, exposições, concurso de Cosplay, presença de artistas e ilustradores, produtores de videojogos, produtores de filmes e webseries, novidades internacionais, artistas nacionais e estrangeiros do mundo da Banda Desenhada, Cinema, Televisão, Jogos, Anime e RPG, entre muitas outras atracções que serão divulgadas nos próximos meses.
A missão da Comic Con Portugal passa por criar consciência e interesse pela banda desenhada e pela apreciação da mesma na arte e cultura popular, através de convenções e eventos que contribuam para troca de experiências e convívios na imortalização da cultura e arte popular na vida das pessoas. 
Toda a informação detalhada acerca deste evento pode ser vista no website oficial:


“THE BIGGEST POP CULTURE SHOW IN PORTUGAL”

- See more at:

O SWCP não podia deixar passar a oportunidade de participar neste grandioso evento,e como tal,estaremos incluidos na Fan-Zone em que Star Wars terá uma forte representação com o nosso clube,a Legião 501 e o fã Simon Wilkie  que se caracteriza de C3PO nas convenções para a fundação Make-a Whish.Iremos atualizando os dados referentes à nossa participação.


domingo, 20 de Julho de 2014

Entrevistas SWCP: Darren Marshall

Darren Marshall é um escultor e artista de design que desenhou os personagens para a série animada Star Wars: The Clone Wars. Antes de entrar para a série, Marshall tinha trabalhado para a ILM e foi abordado por Dave Filoni,o supervisor de produção de Clone Wars, que viu algumas das maquetes suas e lhe pediu para vir trabalhar nessa série. Nesse trabalho, Marshall fez as esculturas de barro dos personagens centrais, bem como personagens que já haviam aparecido noutras Mídias de Star Wars, para que se pudesse ver como iriam ficar em 3D durante a série.

SWCP: Fale-nos do seu trabalho na série de animação em CGI,Star Wars:Clone Wars.
D.M: Originalmente, o Dave Filoni pediu-me para criar maquetes de todos os principais personagens do elenco.Eu já era um empregado da Lucasfilm que criava maquetes para o departamento de animação. Quando o Dave Filoni foi contratado como realizador e supervisor de Clone Wars, ele viu algumas das minhas maquetes e solicitou-me a fazer algumas para a fase de pré-produção dessa série de animação. Nas temporadas seguintes, comecei a fazer mais personagens em design de arte 2D e design de acessórios ocasionais. Continuei a criar maquetes aqui e ali, dependendo do quão importante era o personagem, e neste momento só eram cabeças, bustos e figuras não completas. 

SWCP: É usual ver um escultor a trabalhar em séries de animação criadas por computador (CGI)? 
D.M: É muito raro para um escultor trabalhar numa série de TV produzida em CG. Normalmente este passo é usado apenas em longas-metragens devido a orçamentos mais elevados e tempos mais longos de produção. Tenho de agradecer ao Dave Filoni por isso. Ele é muito favorável ao artesanato e aos benefícios que uma maquete esculpida tradicionalmente pode oferecer durante o desenvolvimento de um personagem.
SWCP: Qual foi personagem desta série que lhe deu mais trabalho a fazer?
D.M: Demorou algum tempo a acertar o personagem da Ahsoka, no início. Sabendo que ela era um novo personagem principal a ser incluído no universo de Star Wars,o Dave queria que ela ficasse bem. Havia algumas versões do seu rosto, antes da versão final ser aprovada.Também o Chewbacca deu muito trabalho a fazer. Nós queríamos tentar conseguir o aspeto original do episódio 4 com ele, e tivemos de trabalhar a forma de como estilizaríamos o seu pelo. Uma cabeça de maquete foi criada junto com um braço completo para mostrar como os pelos fluiriam. O busto do Chewbacca foi fundido mais tarde e oferecido às pessoas que trabalharam na série durante cinco anos. 

SWCP: Também criou algumas esculturas para os personagens primários da próxima série de animação Star Wars: Rebels.Como foi essa experiência? 
D.M: Mais uma vez, tive a sorte de trabalhar ao lado do Dave Filoni e do diretor de arte Kilian Plunkett para a série Star Wars: Rebels. Foi bom ser convidado para trabalhar numa segunda série de Star Wars e ser capaz de criar maquetes tradicionais esculpidas para eles.
SWCP: É verdade que a popular série televisiva Doctor Who,o inspirou a ser criador de personagens e criaturas?
D.M: Sim, isso é absolutamente verdade. Eu cresci em meados dos anos setenta assistindo ao Doctor Who e aos filmes do Planeta dos macacos, Star Wars e King Kong. Lembro-me de fazer figuras de plasticina do Doctor Who e criaturas de monstros do filme Sinbad do Ray Harryhausen.
SWCP: Que mensagem quer enviar aos fãs de Star Wars?
D.M: Gostaria de agradecer por todo o apoio que os fãs nos deram na guerra dos clones. Tivemos uma equipa muito dedicada, que trabalhou muito duro para fazer a série tão boa quanto poderia ser e ouvir todas as respostas positivas dos fãs, faz-nos sentir muito privilegiados por termos trabalhado nela.




 

ENGLISH VERSION:  



Darren Marshall is a sculptor and design artist who designed the characters for the animated television series Star Wars: The Clone Wars. Prior to joining the show, Marshall had worked for ILM, and was approached by Dave Filoni, supervising producer of The Clone Wars, who had seen some of Marshall's maquettes and asked him to come work on the show.


SWCP:Tell us about your work on the animated series Star Wars: The Clone Wars. 


D.M: Originally I was asked to create maquettes of all the main cast of characters by Dave Filoni.
I was already an employee of Lucasfilm creating maquettes for the Animated Feature department. When Dave Filoni was hired as the supervising director of the Clone Wars he saw some of my maquettes and requested I do some for the pre-production phase of the Clone Wars.
In later seasons, I started doing more 2D character design artwork and the occasional prop design. I still created maquettes here and there depending on how important the character was, and at this point those were only head busts, not full figures.

SWCP:  Is it rare to have a sculptor working on a CGI television series? 


D.M: It is very rare for a sculptor to work on a CG TV series. Usually this step is used only on animated feature work due to higher budgets and longer production times.
I have Dave Filoni to thank for that. He is very supportive of the craft and of the benefits a traditional sculpted maquette can offer during the development of a character.

SWCP: What was the character of this series that gave you more work to do?

D.M: It took a little time to get Ahsoka’s character right at the beginning. Knowing she was a major new character to be included in the Star Wars universe, Dave wanted to get her just right. There were a few versions of her face before the final version was approved.
Also Chewbacca had a lot to work out. We wanted to try and get the original Episode 4 look to him, and we had to work out how to stylize the fur. A maquette head bust was created along with a full arm to show how the fur would flow. The Chewbacca bust was later cast and awarded to people that had worked on the show for five years.

SWCP:You created also several sculpts of the primary characters for upcoming series Star Wars Rebels. How it was this experience? 


D.M: Again, I was lucky to work alongside Dave Filoni and art Director Kilian Plunkett on Star Wars Rebels. It was nice to be asked to work on a second Star Wars series and be able to create traditional sculpted maquettes for them.

SWCP:  Is that true that the popular TV series Doctor Who, inspired you to be a creator of characters and creatures?

D.M: Yes, that is absolutely true. I grew up in the mid-seventies watching Doctor Who along with films like Planet of the Apes, Star Wars and King Kong. I remember making plasticene figures of the Doctor Who creatures and monsters from the Ray Harryhausen Sinbad films.

SWCP: What message would you like to send for the fans of Star Wars?

D.M:I would like to say thank you for all the support the fans gave us on the Clone Wars. It was a very dedicated crew who worked very hard to make the show as good as it could be and hearing all the positive responses from the fans makes us all feel very privileged to have worked on it.

Photo Descriptions

 
Sculpting the Anakin maquette. Materials: wood, wire and chavant clay.

2005 ™ & © Lucasfilm LTD  
 Sculpting the Obi Wan maquette. Materials: wood, wire and chavant clay.
2005 ™ & © Lucasfilm LTD  
 Sculpting the Final Ahsoka maquette. Materials: wood, wire and chavant clay.
2005 ™ & © Lucasfilm LTD  
 One of the early versions of Ahsoka. Materials: wood, wire and chavant clay.
2005 ™ & © Lucasfilm LTD  
 Chewbacca maquette. Materials: wood, wire and chavant clay.
2010 ™ & © Lucasfilm LTD 

 
In later seasons I would learn how to use a Wacom Cintiq and Photoshop. Example of how I would create a 2D design sheet using a sculpted head bust maquette. The head maquette would be photographed and imported into Photoshop. A body was drawn along with a costume. Finally the character was fully painted.

 Zatt the young Nautolan from the younglings episodes.
2011 ™ & © Lucasfilm LTD  
 Example of a fully drawn 2D artwork design using Photoshop. Byph a young Ithorian from the younglings episodes.
2011 ™ & © Lucasfilm LTD 

sábado, 19 de Julho de 2014

Rebels Saga Legends

O Website yodasnews revelou imagens da nova linha de figuras de acção Star Wars de 3 3/4 " da Hasbro,intitulada: Rebels Saga Legends,que é composta por 12 figuras: Agente Kallus,Stormtrooper,Kanan Jarrus,Darth Vader,The Inquisitor,Snowtrooper,Ezra Bridger,C1-10 P,Luke Skywalker(versão epº VI)Jango Fett,Obi-Wan Kenobi(versão Clone Wars) e Clone Trooper.


sexta-feira, 18 de Julho de 2014

Star Destroyer gigante feito em peças LEGO

A Polaca Jerac,é uma construtora de modlos da LEGO,tendo começado a construir este titânico modelo do Imperial II Class Star Destroyer a 28 de Dezembro de 2013,tendo-o terminado a 1 de Junho de 2014.Este modelo é composto por mais de 40 mil peças LEGO,medindo cerca de dois metros de comprimento e pesando 50 quilos.Fonte: lego.gizmodo.com