quarta-feira, 26 de Novembro de 2014

Planta da Comic Con Portugal

Para aqueles que nos quiserem visitar na Comic Con Portugal,no dia 6 de Dezembro,podem orientar-se por esta planta do evento.

Star Wars em Força na Comic Con Portugal

Já falta menos de uma semana para o início da primeira Comic Con em Portugal ( http://www.comic-con-portugal.com/ )

O SWCP na Comic Con Portugal:

A nossa presença na Comicon Portugal apresentará informação acerca do clube, distribuição gratuita de modelos e máscaras em papel de Star Wars às crianças, interactividade com os visitantes que podem experimentar algumas máscaras e sabres de luz e tirarem fotos com alguns dos nossos membros que estarão trajados a personagens da saga Star Wars,principalmente Jedi e com o C3PO(Simon Wilkie).Temos ainda um roll up com uma tabela de altura de alguns personagens da saga em que os visitantes podem ficar a saber qual a sua altura em relação aos mesmos. Atenção que só estaremos neste evento no dia 6 de Dezembro na área da Fan zone e na manhã do dia 7.Além da nossa presença,não faltarão motivos de interesse relacionados com a temática Star Wars: 
 
Simos Wilkie na Comic Con Portugal:
Desde que ficou em primeiro lugar no concurso de Cosplay - Star Wars Celebration Europe em Essen - no ano passado, Simon Wilkie caracteriza-se de C-3PO nas convenções que revertem para a fundação Make-A-Wish UK. Ele foi recentemente contratado pela Lucasfilm/Disney para representar a personagem em acções promocionais, nomeadamente para o novo filme. O fato foi construído ao longo de um período de quatro anos, e Simon passou outros tantos a aperfeiçoá-lo, assim como a sua voz, criando uma experiência realista aos fãs do C-3PO. Simon Wilkie marcará presença na Fan Zone ao pé do stand do SWCP.
De salientar que foi através do SWCP que o Simon foi convidado para participar neste evento. 


A Legião 501 na Comic Con Portugal:

Apesar da organização ter sido fundada com o propósito de criar uma identidade colectiva de fãs e entusiastas de cosplay que partilham interesses semelhantes, a Legião 501 orgulha-se de disponibilizar os seus recursos para o bom uso através de acções de caridade, angariação de fundos e voluntariado. A Legião 501 Portuguese Outpost marcará presença com diversas actividades onde poderá descobrir mais sobre a organização na Fan Zone. 

A Disney na Comic Con Portugal:
Neste evento fantástico, os fãs do Disney Channel vão ter acesso a muitas novidades do canal como as primeiras imagens da nova série Galáxia Wander ou um avanço da segunda temporada da divertida e irreverente série Gravity Falls.
Quem marcar presença neste evento único vai poder ver também episódios especiais de Phineas e Ferb, curtas de Disney Mickey Mouse ou o especial de Star Wars Rebels, o conteúdo sensação do Disney Channel. 
No Portfolio Review da Comic Com Portugal, estará RANDY STRADLEY, vice-presidente da Dark Horse Comics, uma das maiores editoras de banda desenhada dos EUA. Durante o evento, poderás mostrar-lhe os teus trabalhos e conseguir um precioso feedback do profissional que desde 2002 é o Editor Sénior da Dark Horse para a linha Star Wars.Para além de avaliar as tuas criações, Stradley participará numa sessão de Q&A no auditório reservado à banda desenhada. Um painel em que terás ocasião de trocar ideias, esclarecer dúvidas e aumentar o teu conhecimento sobre a indústria da BD.Randy foi convidado para este evento através do SWCP.  

Como chegar à EXPONOR de automóvel

A EXPONOR localiza-se junto à autoestrada A28, a 5 km a norte da cidade do Porto.

Vindo de Sul pela Auto-Estrada A1
Deve entrar no Porto pelas pontes da Arrábida ou do Freixo. Em plena Via de Cintura Interna (VCI), deve sair no Nó de Francos, seguindo os sinais que indicam Valença, Viana e o Porto de Leixões. Seguindo pela A28 em direção a norte, deve continuar em frente durante 4,5 km até passar sobre um viaduto com o Porto de Leixões à sua esquerda. Deve sair logo após o viaduto, seguindo a indicação Leça da Palmeira. Imediatamente encontrará sinalização para a EXPONOR.

Vindo de Norte pela Auto-Estrada A3
Logo após as portagens deve sair para a A41 seguindo a sinalização para a Maia e o Aeroporto. Deve seguir sempre em frente, em direção a oeste, durante vários quilómetros seguindo as indicações para Matosinhos, até entroncar na A28. Daí são apenas mais 3 km para sul até avistar à sua direita os edifícios da EXPONOR. Deve sair logo na saída seguinte, seguindo o sinal Leça da Palmeira. Imediatamente encontrará sinalização para a EXPONOR. 
Coordenadas GPS da EXPONOR
41º 12'01.29 N
8º 41'27.65 O

terça-feira, 25 de Novembro de 2014

Figuras da Star Wars Weekends 2014

Já estão disponíveis nas lojas do parque temático Disneyland Paris,quatro figuras de tamanho médio da Star Wars Weekends 2014 que são as seguintes: Tico & Teco como Ewoks,Pluto como AT-AT,Stich como Imperador e Donald em carbonite.Cada figura tem incluido um pin exclusivo.Preço unitário: 129 Euros.
Fonte: Disney gazette

Uma pausa na série Star Wars Rebels

Segundo uma notícia na conta do Twitter da Tracy Cannobbio,a série Star Wars Rebels fará  uma pequena pausa antes das festas natalícias.O ultimo episódio a ser exibido este ano será o 7º ,Gathering Forces,voltando a série a ser exibida a partir do dia 5 de Janeiro de 2015.

domingo, 23 de Novembro de 2014

Entrevistas SWCP: Damien Puckler


Damien Puckler é um ator e produtor que tem trabalhado para diversos filmes e séries em Televisão como: Death Factory,Starfall,Grimm,A Colónia, entre outros.

SWCP: Fale-nos do seu papel (Meisner) na série televisiva `Grimm´.

D.P: Meisner é um assassino ligeiramente imprevisível que trabalha dentro da Resistência. Ele é um personagem divertido para interpretar, porque tem um lado escuro nele e ninguém sabe o seu verdadeiro plano. Porém, chamam-no -lo em tempos difíceis.

SWCP: Tem experiência como ator na área da ficção científica, tendo interpretado o papel do Capitão William Hunter na série `Starfall´.É uma temática da qual é fã? Gosta de Star Wars?  
 

D.P: Eu sou um homem! Se não gostasse de STAR WARS, haveria algo errado comigo! É a suprema história de ficção científica sobre o bem e o mal! O que me interessou sobre STARFALL foi o facto de obter elementos de todas as incríveis aventuras da ficção científica...STAR WARS, STAR TREK, BATTLESTAR GALACTICA, STARGATE... A história e as personagens de STARFALL são muito intrigantes e divertidas ao mesmo tempo.

SWCP: Também tem habilitações como duplo e coordenador de duplos. Qual foi o seu trabalho mais difícil nessa área até agora?

D.P: Quanto tempo você tem? Há muitos trabalhos complicados e stressantes, que eu poderia falar, alguns acidentes que estão prestes a acontecer, outros simplesmente divertidos...Eu adoro coreografar e fazer cenas de luta. Foi por isso que escolhi o trabalho de duplo. Nunca é fácil e é sempre diferente. Às vezes trabalho com profissionais e outras vezes com atores que nunca foram ensinados a socar... Cada cenário é diferente, novo e excitante. Você sempre tenta alcançar a cena de luta o mais realista possível e a pressão que você obtém quando vê o resultado final que fica perto da sua imaginação, é incrível!

SWCP: É campeão mundial de Kickboxing Muay Thay e cinturão negro em Karaté e Taekwondo.Estas artes marciais, têm sido uma grande ajuda na sua carreira como ator tanto a nível físico como mental? 
 

D.P: Absolutamente! Eu tento trabalhar nessas áreas todos os dias... Algumas vezes com pesos, algumas vezes em artes marciais... Ou apenas fazer uma grande caminhada. Ficar apto e ágil é muito importante no meu negócio, especialmente quando você faz trabalhos de duplo. Como se diz "um corpo em movimento, permanece em movimento"!!!

SWCP: Gere um website intitulado www.thepucklerzone. Em que consiste esse website? 

D.P: Eu trabalhei como um Personal Trainer e instrutor de artes marciais há mais de 20 anos. ThePucklerzone.com é o rótulo e o site para o meu negócio de Fitness. Adoro essa parte da minha vida.

SWCP: Que mensagem quer enviar aos seus fãs?

D.P: Adoro a energia e a simpatia que a minha base de fãs tem! Eles surpreendem-me e arrebatam-me a toda a hora! Vocês, pessoal "São os maiores!!! BANZAII!!!...”

 





 
ENGLISH VERSION:
Damien Puckler is an actor and producer who has worked in several films and TV shows such as: Death Factory, Starfall, Grimm, The Colony, among others. 
SWCP: Tell us about your role (Meisner) in the Television show `Grimm´.
D.P: Meisner is a slightly unpredictable assassin working within the Resistance. He is a real fun character to play because he has a dark side to him and no one really knows his true agenda. Yet people call on him in difficult times. 
 
SWCP: You have experience as an actor, in the area of science fiction, having played the role of Lt. Captain William Hunter, in `Starfall´.Are you a science fiction´s fan? Do you like Star Wars? 
 
D.P: I'm a guy! If I wouldn't like STAR WARS there'd be something seriously wrong with me! It's the ultimate Sci-Fi story about good and evil! What interested me about STARFALL was that it obtains elements of all of amazing Sci-Fi if adventures...STAR WARS, STAR TREK, BATTLESTAR GALACTICA, STARGATE...the characters and story lines of STARFALL are very intriguing and entertaining at the same time.
SWCP: You are also a stuntman and stunt coordinator. What was your toughest work in this area?
D.P: How much time do you have? ;) There are many complicated, stressful jobs I could talk about, some close calls, some simply fun...I love choreographing and doing fight scenes. That's how I got into stunts. It is never easy and always different. You sometimes work with professionals and sometimes with actors who have never been taught how to punch...every scenario is different, new and exciting. You always try to achieve the best, most realistic fight scene possible and the rush you get when you see the end result and it looks close to your imagination is amazing! 
 
SWCP: You ´re world Kickboxing Muay Thay champion and Karate/Taekwondo black belt. Martial arts have been a great help in your actor´s career in both physical and mental skills?
D.P: Absolutely! I try and work out every day....some times with weights, some times Martial Arts...or I go for a big hike. Staying fit and mobile is very important in my business, especially when you do stunts. Like they say "a body in motion stays in motion"!!!
SWCP: You have a website called www.ThePucklerzone.com What is this website?

D.P: I have worked as a Personal Trainer and Martial Arts Instructor for over 20 years. ThePucklerzone.com is the label and website for my Fitness business. I love that part of my life just as much.
SWCP: Would you like to send a message for your fans?
D.P: I love the energy and kindness my fan base has! They surprise and overwhelm me all the time! You guys “ROCK!!!! BANZAII!!!...”
 




 

 

 

sexta-feira, 21 de Novembro de 2014

Expo SYFY na Comic Con Portugal


Queres ver de perto objetos originais de diversos filmes do cinema fantástico? A Expo SyFy vai trazer à #comicconportugal vários destes objetos. Visita a exposição e revive memórias de grandes filmes.
Uma exposição com mais de 200 objectos retirados de títulos mais destacados do cinema, desde a espada de “Blade”, o Hydrobot de “Exterminador Implacável”, a moto de Will Smith em “I Robot”, o tabuleiro de “Jumanji”, as lâminas de Freddy em “Pesadelo de Elm Street” ou a armadilha dos “Caça-Fantasmas”, são algumas peças que poderás encontrar nesta fantástica exposição.A pistola e óculos do agente Smith (Hugo Weaving) em “Matrix  


Reloaded” e "Matrix Revolution”, a arma de “Predadores”, a máscara original de “Scream” ou o storyboard original de “Exterminador” também estão nesta exposição. A Exposyfy está direcionada para todo o tipo de público e não deixará ninguém indiferente, desde os aficionados do melhor do cinema do género, até aos colecionadores mais exigentes. Alguns objectos pertencem a filmes tão míticos como “Homens de Negro 1 & 2”, “Alien vs. Predator”, “X-Men”, a saga “Exterminador”, “Regresso ao Futuro”, “Jurassic Park”, ou “Guerra das Estrelas”. Será uma oportunidade única para ver de perto objecto originários dos filmes que escreveram a história do cinema fantástico nos últimos anos.


Passatempo Hot Wheels Star Wars

Damos hoje início a mais um passatempo desta vez patrocinado pela Mattel Portugal em que ofereceremos uma pista Estrela da Morte Hot Wheels Star Wars à escala de 1:64 e três carrinhos da linha personagens Star Wars.Para te habilitares a este magnífico prémio,só tens de responder acertadamente às seguintes questões enviando-as para o nosso correio eletrónico com o nome completo,morada e contacto telefº:
1) Em que data (dia/mês/ano) editámos aqui neste ano,um post acerca do lançamento em Portugal da linha Hot Wheels Star Wars?
2) A que conhecido fabricante de brinquedos faz parte a linha Hot Wheels Star Wars?
Será sorteado um vencedor entre os que responderam acertadamente.Este passatempo termina no dia 15 de Dezembro de 2014.Boa sorte!


quinta-feira, 20 de Novembro de 2014

O vencedor do passatempo Unkind

Terminado o passatempo Unkind revelamos as respostas corretas e o nome do vencedor:
Respostas: 1) Sente a tua música,veste a tua música´.
2) 2006
E o vencedor é o Sérgio Paulo Santos,que receberá pelo correio esta bela t´shirt de Star Wars.Fiquem atentos ao nosso blogue pois brevemente lançaremos outro passatempo!

quarta-feira, 19 de Novembro de 2014

Entrevistas SWCP: Erik Avari

O ator americano de origem indiana Erick Avari,é uma presença habitual em filmes, series televisivas e teatro: Stargate,A Múmia, Dia da independência, Planeta dos macacos, entre outros.
SWCP: Tendo já interpretado inúmeros papéis em filmes e séries de ficção científica, porque é que ainda não tivemos o prazer de o ver envolvido num projecto relacionado com Star Wars?
E.A: Eu teria adorado ter sido convidado a participar na franquia Star Wars, mas muito simplesmente, nunca fui abordado.
SWCP: Na sua brilhante e vasta carreira, tem interpretado mais papéis de Doutor do que qualquer outra profissão. É uma vocação ou simplesmente tem acontecido? 

E.A: Talvez a resposta mais simples por ter interpretado professores, médicos e sacerdotes é porque eu sou careca. Mas numa nota mais séria, é engraçado como as coisas parecem funcionar em Hollywood. Tendo treinado como um ator clássico desde tenra idade, comecei a minha carreira em NYC no palco e nunca sonhei ir para Hollywood. Na verdade, eu gozava com frequência com tudo o que tivesse a ver com Hollywood e Los Angeles, até que um querido amigo que residia em Los Angeles ficou tão revoltado com a minha atitude condescendente em relação a todas as coisas relacionadas com Hollywood que me convidou a visitar Los Angeles, antes de eu ter algo mais a dizer sobre o assunto. Decidi tirar duas semanas de férias da minha agenda de teatro em Nova York, e para tornar a história longa de mais, acabei por fazer um pequeno papel como médico, na série televisiva `L.A LAW´. Trabalhei um dia na série e pagaram-me tanto por esse trabalho quanto todo um salário (de 2 meses) que trabalhei na Off-Broadway. Isso foi há 24 anos.
SWCP: Está a trabalhar numa nova série para a FOX intitulada `Hieroglyph´.Pode falar-nos um pouco sobre ela?
E.A: Eis outro jogo cruel de Hollywood que tem uma forma de brincar consigo, quando você acha que está numa intensa actividade e onda de sucesso. Os Estúdios Fox tinham luz verde para esta maravilhosa, inovadora e intrigante série. ‘Hieróglifo´ é uma inédita série de 13 episódios, que iria ser lançada e eu estava incrivelmente animado e honrado em estar incluído no elenco. Nós filmamos o episódio piloto no Novo México nos Estídios Breaking Bad e as coisas não poderiam ter sido melhores. Foi uma equipa extremamente criativa e talentosa de escritores a serem dirigidos pelo Miguel Sapochnik e pelo Travis Beacham com um elenco brilhante. Como dizem, todas as coisas boas chegam a um eventual fim, só que este final surgiu muito mais cedo do que o esperado e o autoclismo foi puxado na série mesmo antes de ter sido lançado um único episódio. Então agora fica para os livros da história, mas podem ver-me na série da HBO `The Brink´ que será exibida no próximo ano (2015).  

SWCP: Recorda-se do seu primeiro papel em Hollywood?
E.A: Embora não estivesse baseado em Hollywood nessa época, tive o privilégio de interpretar um maravilhoso papel, no filme de anti guerra `A besta da guerra´. Infelizmente para o elenco e equipa, o filme falhou, vítima de uma política de estúdios e mudança de regime não tendo sido promovido nem ter tido um lançamento mundial, apesar dos inúmeros elogios e alta aclamação, o filme foi descrito como um dos mais significativos anti-filmes de guerra da época.
SWCP: Sendo de origem indiana, nunca pensou em trabalhar na indústria cinematográfica da India, em Bollywood por exemplo? 
E.A: O meu primeiro trabalho profissional foi creditado para um filme de Bengali `Kanchenjunga´, dirigido pelo  famoso realizador Satyajit Rey,as minhas aspirações como um jovem rapaz estavam sempre em direção aos palcos da Broadway  e Bollywood nunca foi considerado como uma opção para as minhas esperanças e desejos. A progressão natural no meu processo de pensamento era continuar nessa ideia e ter emigrado para os EUA.A Broadway sempre foi o meu objetivo final e após mais de uma década, com um pouco de 

 sorte e muita dedicação, construí um currículo relativamente saudável e mais importante, recebi uma inestimável formação nessa área ao longo dos tempos. Tive a sorte suficiente de ter atuado em alguns dos mais prestigiados teatros de Nova York, bem como noutros  dos EUA  sob a tutela de alguns dos melhores e mais brilhantes diretores de todos os tempos. Nos finais de 1989,decidi tirar umas férias muito atrasadas.
SWCP: Que mensagem gostaria de enviar aos seus fãs?
E.A: Sempre fui atraído por ficção científica devido a uma infinidade de razões. A minha formação clássica como ator conduziu a si própria o que era/é exigido a um ator do género. Era um género que incentivava à diversidade. Como em Shakespeare, a cor da sua pele não era tão importante quanto a capacidade de lidar com a língua ou qualquer uma das outras exigências dessa função. Por razões óbvias, isso atraiu-me à ficção científica logo de caras. Sendo eu profundamente contra a propaganda e a violência em filmes, achei que neste género de filmes existe um valor de fundo moral e intelectual. Eu acredito que os fãs devem ser espertos e intelectualmente mais curiosos do que qualquer outro género de filmes e estou profundamente grato a eles. Eu sempre gostei de falar com eles e conhecê-los a nível pessoal já que estou sempre envolvido num nível que está além do normal.





 

ENGLISH VERSION:

Erik Avari is an Indian-American actor best known for his roles in many Television shows, films and Theater such as: Stargate, The Mummy, Independence Day, Planet of the Apes, among many others.
SWCP: Having already played numerous roles in science-fiction films and shows, why haven´t we had the pleasure to see you involved on projects related to Star Wars? 

E.A: I would have loved to have been asked to participate in the Star Wars franchise but quite simply, I was not approached.
SWCP: In your bright and extensive career as an actor, you have played more roles as a doctor than any other profession. It’s a calling for this kind of role or simply has happened?
SWCP: Perhaps the simplest answer is I have played professors, doctors and priests are because I'm bald. But on a more serious note, it’s funny how things seem to work out in Hollywood. Having trained as a classical actor from an early age I began my career in NYC on stage and never dreamed of coming to Hollywood. In fact I often scoffed at anything to do with Hollywood and Los Angeles until a dear friend and Los Angeles resident got so sick of my  

condescending attitude toward all things Hollywood invited me to visit L.A land before I had anything further to say on the matter. I decided on a two week vacation from my theater schedule in New York and to make a long story longer, I ended up booking a small part on the TV series LA Law as a Doctor. I worked one day on the show and was paid as much as an entire run (2 months) on the Off Broadway play I had just completed. That was 24 years ago.
SWCP: You´re currently working on a new series for Fox called `Hieroglyph’. Could you tell us a bit more about this show?
E.A: Here´s another cruel game Hollywood has a way of playing on you just when you think you are on a roll. Fox studios had green lit the wonderfully innovative and intriguing series, Hieroglyph in an unprecedented 13 episodes going to air and I was incredibly excited and honored to be included in the cast. We shot the pilot episode in New Mexico on the Breaking Bad studios and things could not have been better. It was an extremely talented creative team of writers being helmed by Miguel Sapochnik and Travis Beacham with a brilliant cast. As they say, all good things must come to an eventual end except this end cam a lot sooner than expected and the plug was pulled on the show before even airing a single episode. So that is now in the history books but do look for me on the HBO series The Brink to be aired next year (2015). 

SWCP: Do you remember of your first role in Hollywood?
E.A: Although I was not based in Hollywood at the time, I was privileged to play a wonderful role in the anti war film, The Beast of War. Unfortunately for the cast and crew the film fell prey to a regime change and studio politics and was not promoted or even given a worldwide release despite the numerous compliments and high acclaim the film has garnered as one of the most significant anti war films of the era.
SWCP: Being of Indian origin, never thought about working in the Indian film industry, such Bollywood, for example?
E.A: My very first professional job was credited to a Bengali film Kanchenjunga, directed by the famed Satyajit Rey, my aspirations as a young boy were always toward the Broadway stage and never considered Bollywood as an option to my hopes and desires. The natural progression in my thought process was to continue in that vein one I was able to immigrate to the US. Broadway was always my end goal and after more than a decade, with some luck and a lot of dedication, I built a relatively healthy resume and more  


importantly, received invaluable on the job training along the way. I was fortunate enough to have performed at some of the most prestigious theaters in NYC as well as theaters across the US under the tutelage of some of the brightest and best Directors of the time. It was late 1989 that I decided to take a long overdue vacation.
SWCP: What message would you like to send for your fans?
E.A: I have always been attracted to Science fiction for a myriad of reasons. My classical training as an actor lent itself to what was/is demanded of an actor in the genre. It was a genre that encouraged diversity in casting. As in Shakespeare, the color of one's skin was not as important as the ability to handle the language or any of the other demands of the role. For obvious reasons this attracted me to Science fiction right off the bat. Being one that is deeply opposed to propaganda and violence in films I found in the genre to have a deep moral and intellectual value. I believe the fans to be smarter and intellectually more curious than any other genre and I am deeply appreciative of them. I always enjoy speaking to them and getting to know them on a personal level as I am always engaged on a level that is well beyond the norm.